Pular para o conteúdo

“Se você quer ter vocações, faça adoração eucarística diariamente”

“Se você deseja ter vocações, faça a adoração eucarística diária.

Não foi até 1973, quando começamos a Hora Santa diária, que nossa comunidade começou a crescer e florescer… em nossa congregação costumávamos ter adoração uma vez por semana durante uma hora; então, em 1973, decidimos fazer adoração por uma hora todos os dias.

O trabalho pendente é muito. As casas que temos para os doentes e os moribundos indigentes estão cheias por toda parte.

E a partir do momento em que começamos a adorar todos os dias, o nosso amor por Jesus tornou-se mais íntimo, o nosso amor uns pelos outros tornou-se mais compreensivo, o nosso amor pelos pobres tornou-se mais compassivo e o nosso amor pelos pobres duplicou.

Deus nos abençoou com muitas vocações maravilhosas. O tempo que passamos em nossa audiência diária com Deus é a parte mais valiosa de todo o dia”.

Santa Teresa de Calcutá

ORAÇÃO DIÁRIA PELOS SACERDOTES

Que todos tentem se tornar perfeitos como o Pai Celestial é perfeito:

Senhor, dai-nos Sacerdotes santos.

Que a Santa Missa seja continuamente oferecida pela vida e necessidades do mundo:

Senhor, dai-nos Sacerdotes santos.

Que o Santíssimo Sacramento seja amorosamente acessível e adorado:

Senhor, dai-nos Sacerdotes santos.

Que o Evangelho seja proclamado fiel e incansavelmente:

Senhor, dai-nos Sacerdotes santos.

Que possamos encontrar nossa paz e felicidade na absolvição sacramental:

Senhor, dai-nos Sacerdotes santos.

Que a união na oração traga unidade entre todos os cristãos:

Senhor, dai-nos Sacerdotes santos.

Que toda a vida humana seja protegida e defendida como sagrada:

Senhor, dai-nos Sacerdotes santos.

Que a misericórdia de Deus se estenda aos pecadores, moribundos e defuntos:

Senhor, dai-nos Sacerdotes santos.

Que os jovens tenham ajuda para crescerem livres das drogas e de todos os vícios:

Senhor, dai-nos Sacerdotes santos.

Que os encarcerados, os idosos e os sem-teto encontrem fé e esperança em Cristo:

Senhor, dai-nos Sacerdotes santos.

Que o amor de Cristo cure os desamparados, os acamados e os enfermos:

Senhor, dai-nos Sacerdotes santos.

Que Cristo seja a meta e a alegria dos jovens e dos fortes:

Senhor, dai-nos Sacerdotes santos.

Que aqueles que ouviram o chamado de Deus o ouçam para se tornarem futuros líderes:

Senhor, dai-nos Sacerdotes santos.

Oremos. Deus de misericórdia e santidade, ouve o clamor angustiado do teu povo para que tenha sacerdotes santos para guiá-lo. Enchei-lhes os corações de um zelo luminoso para que possam atuar dignamente em vossa presença, sejam sempre leais à vossa Igreja e possam amar-vos com um amor eterno. Pedimos isso por Cristo, nosso Senhor. Amém.

São João Paulo II: “Precisamos do testemunho de homens e mulheres que mostram a fecundidade de uma existência que tem sua fonte em Deus”

Mensagem do santo padre João Paulo II para a o XXXVIII dia mundial de oração pelas vocações (2001)

A leitura cristã da existência deve fazer um balanço de alguns comportamentos da cultura ocidental, em que Deus é praticamente marginalizado da vida cotidiana. Eis porque é necessário um empenho consistente de toda a comunidade cristã para “reevangelizar a vida”. O testemunho de homens e mulheres que mostram a fecundidade de uma existência que tem a sua fonte em Deus, na docilidade à ação do Espírito a sua força, na comunhão com Cristo e com a Igreja a garantia de sentido é adequado a esta obrigação pastoral fundamental .autêntico do cansaço diário. É conveniente que na Comunidade cristã cada um descubra a sua vocação pessoal e responda com generosidade. Cada vida e vocação e cada crente são convidados a cooperar na construção da Igreja. No «Dia Mundial de Oração pelas Vocações», porém, a nossa atenção dirige-se especialmente à necessidade e urgência dos ministros ordenados e das pessoas dispostas a seguir Cristo no seu exigente caminho de vida consagrada com a profissão dos conselhos evangélicos.

Urge ministros ordenados que sejam “garantia permanente da presença sacramental de Cristo Redentor nos diversos tempos e lugares” (Christifideles laici, 55) e, com a pregação da Palavra e a celebração da Eucaristia e outras Sacramentos, guiam as Comunidades cristãs pelos caminhos da vida eterna.

Há necessidade de homens e mulheres que, com o seu testemunho, se mantenham “vivos nos batizados a consciência dos valores fundamentais do Evangelho” e fazer “despertar continuamente na consciência do Povo de Deus a necessidade de responder com santidade de vida ao amor de Deus derramado nos corações pelo Espírito Santo, refletindo em sua conduta a consagração sacramental realizada por Deus no Batismo, na Confirmação ou na Ordem (Vita consecrata, 33).

Que o Espírito Santo suscite abundantes vocações de especial consagração, a fim de promover no povo cristão uma adesão cada vez mais generosa ao Evangelho e tornar mais fácil a todos compreender o sentido da existência como transparência da beleza e da santidade da Deus.